Posse de bola no Facebook

Translate

segunda-feira, maio 04, 2015

Melhores comentários do Lateral Esquerdo

Ainda podes acrescentar outro fator, o nível de concentração deles. Por exemplo, se tiveram teste, se é feriado. Qdo estão num dia que sentimos que não vamos sonseguir obter o foco deles, mais vale desistir da estrutura do treino, fazer algo que eles já conhecem ou algo mto simples e tentar obter o melhor rendimento possível numa tarefa, do que estar a ensinar um conceito novo que não vai ser percebido.

Dipeca, aqui, fala sobre o treino.

Quantos treinadores desistiriam de um exercício, ou do treino, que tinham preparado, caso verificassem que por diversos factores os jogadores não estavam na disposição de cumprir com o planeado?!

4 comentários:

Artur Semedo disse...

saber dar um passo atrás para dar dois à frente... o segredo da abelha! muy bien!

Roberto Baggio disse...

Eu diria dar dois atrás para estar dois a frente :)

Dipeca disse...

Para mim é simples, aquilo que os miúdos evoluírem está acima de qq tipo de orgulho de "ter tido o trabalhar a planear" ou outra coisa qq desse género.
Hoje facilitamos e amanhã, qdo eles estiverem em dia sim, aproveitamos ao máximo! É simples :)

Pedro Costa disse...

Na mesma senda, o melhor treinador que conheço falou-me há quase dois anos do conceito de "dia de lua cheia" em que, por qualquer razão, não há nenhum jogo ou exercício que funcione porque os miúdos não estão para aí virados. Nesses casos, é como dizem, parar e ir para algo simples - o conselho dele era ir para jogo o resto do treino e tentar ensinar-lhes algo nesse contexto.
Já o tive que fazer duas ou três vezes e acaba por ser melhor para todos - para o treinador que deixa de se martirizar porque nada do que planeou e quer ensinar está a funcionar, e para os miúdos que, não tendo cabeça nesse treino, acabam por divertir-se à mesma mas sem grandes chatices.