Posse de bola no Facebook

Translate

segunda-feira, abril 20, 2015

Jornal dos coxos - 2v2 a procurar superioridades

Boas,

As vezes basta um tweek num exercício para se transformar em algo completamente novo, com possibilidades completamente diferentes.

De uma coisa basica de velocidade e 1v1, ou até de fixa e oferece de 2v1 aconteceu uma coisa super interessante, mais devido ao que os jogadores exploraram do que por uma ideia inicial.

O jogo começou com vagas de 1v1, onde a ideia era driblar em velocidade para marcar nas mini balizas.

A medida em que o nº de jogadores nas filas aumentou devido a chegada tardia de malta, tivemos de introduzir modificações no exercicio para diminuir o tempo de espera.

Quem tinha bola passou a poder passar para a fila e criar superioridade de +1.

Na figura estão os amarelos com bola a passar para a fila criando um 3v2. Se os encarnados ganhassem a posse, poderiam chamar 2 jogadores, até ficar 4v3.

Coisas interessantes que se começaram a passar:

- Jogadores a fingirem passe, o defesa a cortar a linha de passe e acelerarem para a baliza (isto numa fase em que ainda só estavam a fazer 2v1)

- Jogadores a combinar na fila "o 1º a chegar pressiona, o outro fecha a baliza mais perto"

- Jogadores da equipa com bola a desmarcar-se para a frente, arrastando os defesas e a apontarem para a fila para o colega com bola aproveitar o espaço criado e fazer entrar mais 1.

- Malta na fila a gritar "fecha a linha de passe para a fila!!"

Ou seja, um exercício super básico, devido a exploração dos jogadores e a liberdade que foi sendo dada, transformou-se em algo novo e super rico.

Já experimentamos fazer 2 campos de 6 jogadores (ou seja, 3v3) em que jogariam durante algum tempo até 3v2, e depois retirar as balizas do meio, aumentando imenso a profundidade e alguma largura e passar a começar 4v4, e a poderem ter superioridades de +2.

Fica muito mais complexo, e deixa de ter objectivos de finalização rápida só com um fixa e oferece a quem está só, mas serve para outras coisas.

E é isto.

Abraço e até breve

7 comentários:

Rafael Antunes disse...

Este exercício é feito sem cores, certo? Ou se é com cores, a certa altura haverá cores diferentes a cooperar.

De qualquer forma acaba por ser mais um elemento de treino.

Eu adoro quando acontece o que apresentas. Levares uma coisa pensada, e depois, quando aquilo começa, sermos obrigados a ir alterando, ou vendo coisas acontecer que te põem a refletir e a melhorar e/ou criar outros exercícios.

No fundo, é treino para o treinador!!!

Gonçalo Matos disse...

Muito bom, o exercício! Só por curiosidade, deste algum feedback durante o exercicio ou tudoo que escreveste saiu da cabeça dos miudos?

Dennis Bergkamp disse...

Aconteceu da cabeça deles. Mas sempre que aconteceu qualquer coisa interessante (tipo o defesa fechar a linha de passe e o atacante com bola acelerar) fiz uma festa impressionante com vénias e salvas de palmas e cães amestrados para que se repita muitas vezes.

Dennis Bergkamp disse...

Rafael,

Sem cores como?

Eram "duas equipas", até para se picarem com o resultado

martin vazquez disse...

quem entra tem que dar a volta á baliza?

Dennis Bergkamp disse...

Sim Martin, a ideia é meter ao mm tempo velocidade de reacção a mistura. E é uma maneira de premiar os mais rápidos, dando-lhes a bola.

Ao mesmo tempo, é uma forma de mexer com as azias deles, dando repetidamente a bola a um, apesar de o adversário ser mais rápido.

Muitas vezes o arbitro toma decisões que os jogadores não gostam, e esta é uma maneira de passarem por isso no treino

Rafael Antunes disse...

Percebi agora!

Aquilo que me ficou na ideia (talvez pq li na diagonal) foi que a equipa em posse poderia chamar de uma ou de outra fila, consoante a posição. Mas só há um sitio em que se pode "chamar ajuda"...