Posse de bola no Facebook

Translate

sexta-feira, janeiro 09, 2015

Manuel Neuer, o sweeper keeper



 Desconfio que na história do futebol tenham sido poucos os jogadores, que pelas suas características, permitam que surjam inovações tácticas. 

São estes ETs que fazem com que o jogo atinja patamares novos e abrem portas para que o desporto progrida.

É por isso que para mim é estranho ver que o Manuel Neuer não ganhou o prémio de melhor jogador alemão deste ano. Será que naquele que é dos paises mais evoluidos nos aspectos tácticos do jogo não se compreende a genealidade do seu grande jogador de cam... guarda redes?

Para mim, pela diferença de qualidade para os restantes colegas de posição, pelo que traz de novo à sua equipa, especialmente no controlo da profundidade e em organização ofensiva, Neuer é o único jogador que vejo chegar perto de Messi e Ronaldo.

7 comentários:

Dennis Bergkamp disse...

Gonçalo, exactamente por isso é que acho que devia ser ele a ganhar o premio em vez do Ronaldo.

É como se uma nova espécie tivesse aparecido e andasse a galgar degraus na cadeia alimentar.

Depois dele, só os GR como ele é que vão sobreviver. É como se tivesse ocorrido uma mutação genética qualquer que permite fugir melhor aos predadores e viver durante mais tempo =p

Vai prevalecer, mesmo que não ganhe. Mas multiplica-se mais rapidamente se ganhar.


Ps: momento national geographic hahah

Rui Pintado disse...

Boa noite,

estou extremamente aborrecido porque o Dr Sweden deixou de aprovar os meus comentários! Assim, deixo aqui o que queria escrever lá:

Boa tarde Dr Sweden,
não sei se foi somente impressão minha mas fiquei com a ligeira sensação que ficou desagradado com as minhas questões. Eu posso ser um leigo em futebol mas tenho muita sede de conhecimento e tento absorver o máximo de pessoas informadas como o Dr. E percebo toltamente que não queira revelar esses estudos que dizem que os jogadores profissionais com a baliza aberta e a apenas 9, 10 metros e em posição frontal falhem mais do que o que marquem. Não se pode revelar tudo e qualquer dia aqui o aluno ainda passava o dr ;) ;) ;)

Se me permite, tenho mais um conjunto de questões que por certo me ajudarão a perceber melhor o futebol profissional e quem sabe chegar um dia a ser um dos muitos que o leêm que serão lideres e terão um papel importante no futebol.

Imagine o Dr o seguinte cenário.

O lance é o mesmo, mas é o Paulo Sousa que leva a bola, o gr em vez de tentar defender vai marcar o Ronaldo fenómeno.

Nesta situação qual é a melhor decisão, uma vez que o Paulo Sousa tem problemas de finalização?

a) O Paulo Sousa com a baliza aberta, tenta ainda assim passar ao Ronaldo que está marcado

b) o Paulo Sousa espera para que chegue um colega para lhe passar a bola para ser outro a chutar para a baliza deserta.

Sabe dr, eu costumo jogar na rua com os meus amigos e tenho lá um sacana que quando tem a baliza sem ninguém e está a 8, 9 metros dela, marca sempre golo. Ele manca um bocadinho, mas com esta eficácia superior à dos profissionais, não sei se não daria um bom avançado.



nao percebi porque o dr do futebol profissional deixou de aprovar os meus comentários :(

Gonçalo Matos disse...

Bergkamp,

Há um conceito em biologia evolutiva chamado hopeful monster. um hopeful monster é um organismo que sofreu alterações/mutações de grande efeito, o que o torna bastante diferente dos restantes. Curiosamente, era um conceito usado para explicar o aparecimento de novas espécies! Não sei se sabias, mas é basicamente o que disseste! :P

Para mim é isso que o Neuer é... É claramente uma aberração neste momento, por ser tão diferente dos restantes. Como tu, acho que ele ditou o futuro e mostrou aos GRs que por aí andam que é possível ter ainda mais impacto no jogo.

Gonçalo Matos disse...

RUi,

Eu ia ao google tradutor e punha isso em Sueco! Ou então usa palavras mais "caras"!
Pessoalmente, não vou a esses reinos do norte, não sou um leitor honesto desse blog. fartei-me quando as respostas do Sweden eram sempre iguais e nem sequer tentava refutar os meus argumentos ou consolidar os dele.

João disse...

Rui,
Fui ver o post do Dr. sweden e recordou-me uma argumentação que tive com um amigo meu sobre o lance do golo do Nani contra o Shalke. O meu amigo defende que teria sido boa decisão do Nani assistir o Cedric, e eu defendo que sendo Nani e Cedric os intervenientes a decisão de Nani ter optado por concluir a jogada daquela forma possa ter sido a melhor decisão. Confesso que o facto de ter dado golo ajuda na minha justificação, mas o essencial que eu defendo é que uma boa decisão tem sempre de ser analisada no contexto (jogador portador, jogador receptor, opositor direto, opositor do jogador receptor, dinâmica e estratégia da equipa e do adversário, estado do relvado, etc.) e por haver tantas variáveis nem sempre é fácil alguém que está de fora poder concluir sobre.
Cumprimentos

Vasco disse...

O mérito é do Guardiola, há mais guarda-redes com essas características .
Neuer é de longe o melhor da actualidade, mas pff Messi e Ronaldo têm números astronómicos, qq equipa dá tudo por eles.
Ah btw o melhor continuará a ser o Gianluigi

Gonçalo Matos disse...

Vasco,

Eu não conheço mais GR que consigam, com o à vontade do Neuer jogar fora da área, jogar dentro da área pressionadíssimo e ainda ter um posicionamento em tudo o que é esperado de um GR top.

Para mim, o Buffon hoje em dia já foi ultrapassado por muitos. O jogo evoluiu no sentido do GR ter um papel relevante nos processos colectivos e nesse aspecto o Buffon, que me lembre, não é top. Também porque na sua altura, o que era pedido era algo diferente.

quanto aos números, concordo. mas se formos por aí, nunca um Gr ganhará.