Posse de bola no Facebook

Translate

sexta-feira, agosto 01, 2014

E porque não Bernardo?!

Cresci habituado a ver Jesus fazer uma mescla entre jogadores com uma inteligência de jogo acima da média, com os atletas de sangue puro. Assim, foi-se conseguindo construir no SLB, ainda que não fosse ideia do treinador depois do seu primeiro ano na Luz, um futebol com alguns momentos condizentes com aquilo que acho que será o futebol no futuro: escolha dos melhores caminhos em organização ou transição. Hoje, vejo Jesus com muito músculo e pouco cérebro.

- Candeias. Rápido. Jogador de um movimento: cruzamento. Será difícil vê-lo relacionar-se com os colegas de acordo com o que o contexto dite.

- Sálvio. Todas as condições físicas e técnicas para ser um jogador relevante no panorama mundial. No 1x1 como muito poucos no mundo, verdadeiramente desconcertante. Passe, drible, recepção, condução, remate, cruzamento, tudo perfeito e na medida. Portento físico em todos os sentidos: força, velocidade, resistência. Jogador de um movimento: Cabeça no chão.

- Jara. Rápido, potente. Infelizmente na Argentina ainda não se percebeu como é que o jogo deve ser jogado.

- Nélson Oliveira. Técnica, força, velocidade. Só conhece um movimento: procurar a baliza.

- Bebé. Força, muita força mesmo. Velocidade. Técnica banal. Como Sálvio, cabeça no chão.

- Derley. Faz do físico a sua maior arma. Jogador parecido ao Lima. Sem ser excepcional do ponto de vista técnico, parece conhecer as suas limitações. Ainda assim, e podendo estar a ser injusto por não conhecer tão bem, pouco cérebro.

- Lima. Força, potência. Não tem a velocidade de outros tempos. Tenta jogar o melhor que sabe com os colegas, mas tecnicamente não é dotado. O que lhe causa muitos transtornos.

- Ola John. Temporização: "a marca dos inteligentes".

Sabendo-se da indefinição sobre a situação de Gaitan e Enzo, sabendo-se que Cardozo está mais que morto, por que motivo não aproximar Bernardo Silva do pelotão da frente? Coloca-lo mais perto da baliza, em zonas de criação. Parece-me o jogador perfeito, não só para definir as jogadas no papel de 2º avançado do SLB, como inclusivamente para finalizar. Tem todas as características técnicas, físicas, e cognitivas para desempenhar esse papel, e no SLB não há ninguém melhor para o desempenhar, fazendo essa ligação com os colegas mais recuados. É francamente um grande desperdício vê-lo jogar na dupla de médios do modelo de Jesus, sabendo-se do potencial que ele tem para definir as jogadas, a facilidade com que se liberta da contenção, e da agilidade, e velocidade de reacção em espaços curtos. Criatividade é o que urge somar ao modelo de Jesus. Ou será que Jesus já se esqueceu que já teve, em tempos, um anão que era o melhor avançado da liga? Saviola é o modelo a seguir!

21 comentários:

Gonçalo Teixeira disse...

Porquê a etiqueta de Aimar? Não quererá Jesus fazer dele um Aimar em vez dum Saviola?

Roberto Baggio disse...

"Cresci habituado a ver Jesus fazer uma mescla entre jogadores com uma inteligência de jogo acima da média" Prende-se com isso. Os antigos jogadores da frente.

Aimar não jogava ali tão longe da baliza. Jogava num meio campo a 4, como vértice mais avançado. Ou como 2º avançado. Num meio campo com 3, perceberia perfeitamente essa opção, e era onde o colocaria a jogar. Com o modelo de 2 médios de Jesus isso não faz muito sentido. Até porque Bernardo é um jogador que precisa de exprimir a sua criatividade de forma regular. Resolvendo regularmente problemas complexos, em espaços curtos. Treinando e refinando a sua panóplia de soluções diferentes de jogo para jogo.

Fernando José disse...

Acho que vou acender uma velinha para o Jesus a colocar aí...
E se os dois melhores jogadores da liga saírem, ou mesmo só um, não há "manel" que salve :/

GBC disse...

O Lima pareceu-me morto. Vamos ver se sobe os índices físicos e fica só menos mau

O Derley não é mau, mas também não é bom.

O Ola é bom, ou pelo menos não é mau, mas duvido que seja regularmente titular com Jesus.

Bernardo é bom mas hoje em dia em Portugal, e não sei porquê, há medo de apostar em jogadores com o seu perfil físico. A não ser que defensivamente sejam mt intensos (AM no Sporting, por exemplo). Só no Porto têm espaço.

Maurício Oliveira disse...

O que tem parecido Talisca até então, Baggio?

LGS disse...

Salvé Baggio

Uma perguntinha, na tua opinião, os minutos de utilização que os jogadores têm na pré-época têm, necessáriamente, alguma relação directa com os minutos que terão durante o campeonato?


É que se tiverem, até agora, arrisco uma ou duas conclusões:

- Candeias não fica, ou pouco jogará (e ainda bem);

- N. Oliveira idem;

- Luís Filipe idem (se ele ficar é ridículo, acho que consegue ser pior que o Emerson...)

- Bernardo idem (infelizmente...)

- Cancelo talvez tenha hipótese de ficar (mas será melhor ficar e ser suplente ou ser emprestado a um clube qualquer?... )

- Teixeira parece ficar;


Isto assim de repente só para referir alguns, e sem pensar muito. Achas que faz sentido este raciocínio?


Abraço

Unknown disse...

Acho que estás a ser um pouco injusto a rotulares o JJ de preferir os físicos, porque dos que referiste só o Sálvio, Lima e quiçá o Derley vão ser titulares. Do resto o Ola vai ficar e jogar muito. Os outros cheiram a dispensa.

Roberto Baggio disse...

LGS, acho que faz todo sentido.
Para Cancelo é melhor ficar e comer tudo que Jesus tem para lhe dar. Ao nível defensivo, ninguém lhe poderá ensinar mais, ainda que não jogue.
Já Bernardo é diferente. Precisa mesmo de jogar. E não é evidente a mais valia que é para a aprendizagem dele ser pouco utilizado. Basicamente ou é aposta, ou sai emprestado para um Estoril.

Maurício, Talisca tem bons pormenores. Precisa de manifestar esses pormenores com regularidade, para estar sempre em jogo.

Bruno Pereira disse...

Concordo com o LGS quando diz q muitos desses não vão ficar. Baggio,
Quanto a Sálvio, dou por mim a mandar vir com ele por não meter a bola no sítio q devia e o gajo faz mais um ou dois dribles e arranja uma situação ainda melhor. A questão é se com a técnica e capacidade de desequilíbrio que tem não conseguirá aproximar ainda mais a equipa do sucesso desequilibrando primeiro (porque após esse desequilíbrio decide quase sempre bem). A rever :)
Quanto a Bernardo dou por mim a pensar que agora sim jogou na posição onde poderá desequilibrar mais. Abro o posse de bola e já me trocaram as voltas... ora ajuda lá este leigo: se ele jogar a 8 estará de frente para o jogo e terá mais bola, tendo muitas vezes apenas o marcador direto (contenção e cobertura não são conceitos que existam em todas as equipas como sabes...). Apenas com o marcador direto, Bernardo, seja com uma receção orientada ou com um drible, conseguirá ultrapassá-lo muitas vezes, permitindo a progressão em drible, verticalizando o jogo, obrigando ao desposicionamento da equipa contrária e com tempo para colocar a bola no buraco q se tenha aberto. Jogando a 9,5 estará mais de costas para a baliza, tendo que jogar para trás ou enquadrar, sendo mais difícil para ele "pegar no jogo" - nesta posição terá a vantagem de jogar entre linhas, mas terá menos um homem na frente para oferecer solução para linhas de passe (o 9,5). A espetacular verticalização que Enzo faz não poderá ser feita por Bernardo na mesma posição? Explica lá melhor o q é q Bernardo pode dar a 9,5 que não dê tanto a 8 sff.
Uma última nota só pra Ola John: alguém q lhe diga pra não ser displicente e levar o que pensa até ao fim e sem excesso de confiança - repara nos passes que falha porque já "descontraiu". Topo, topo, topo...

Abraço,
Bruno Pereira
http://orgulhosamentelampiao.blogspot.pt/

Alberto disse...

Penso o mesmo que tu. Ver JJ dar minutos e mais minutos a Jara, e nem sequer experimentar Bernardo naquela posicao deixa-me mesmo muito triste. Ontem ele foi um oasis no meio daquela tristeza de segunda parte.

Quanto ao Nelson Oliveira, gostei contra o Sion, mas eles eram bastante fracotes. Mas sem minutos nao da pa perceber, mais uma vez voltamos ao Jara, que tem sido dos mais utilizados da pre-epoca.

Cancelo tem que ficar, pode jogar com alguma regularidade nas tacas, entrar para a esquerda ou para a direita quando necessario, e ao mesmo tempo tirar partido da aprendizagem com JJ.

Pedro disse...

Acho curioso que num blog que se defende tanto a boa tomada de decisão se continue a criticar tanto Cardozo e a dizer que "está morto". Cardozo procura sempre a melhor forma de jogar, raramente opta pelo remate quando tem um colega em melhor posição (ainda ontem fez isso duas vezes).

Sobre JJ, estou a gostar de te ler ultimamente. ;)

Edson Arantes do Nascimento disse...

Desses todos acho que o N. Oliveira, Jaras e o Candeias não vão ficar no plantel. Aliás, o Candeias vê-se logo pela cara que anda com uma azia do carvalho - e realmente tem razão. Não se percebe como o Benfica pode sequer pensar em contratá-lo. É um jogador horrível.

O Jaras nem vale a pena. Fonix. É tenebroso a todos os níveis e em qualquer situação. Péssimo, mesmo.

E também concordo com o que o Baggio diz do Bernardo. Eu vou até mais longe: seja a 8 ou a 9,5 o rapaz tem todas as condições para ser um jogador bastante útil.

Ontem, do pouco que vi, entrou e deixou logo alguns pormenores de classe, classe e mais classe. Gosto muito.

No entanto, tenho quase a certeza que o Benfica vai vender mais (seja Enzo ou Gaitan ou mesmo Cardozo e outros do mesmo estilo (N. Oliveira), miúdos inclusive - Bernardo, Cancelo) e contratar mais jogadores para todos os sectores (redes, defesas, médios, avançados).

Vamos esperar para rever.

Edson Arantes do Nascimento disse...

Ah e tenho apreciado as exibições do Cancelo. Bom jogador. Ficava com ele no plantel.

Daniel Martins disse...

É um desperdício ter um gajo com uma condução de bola tão rápida e ágil a jogar tão atrás, quando seria muito mais rentável colocá-lo junto à defesa adversária, onde o espaço é menor. Era só pedir-lhe para baixar quando o outro avançado recebesse a bola, de forma a que quando a bola lhe chegasse aos pés ele tivesse a ver o jogo de frente, e deixar a magia acontecer. Mas começo a conformar-me com a ideia de que não vai ser no Benfica que o Bernardo vai rebentar.

PedroF disse...

Derley não é o melhor do mundo, mas num plantel em que concorre com Jara e Nelson Oliveira ter alguém que perceba que deve baixar e enquadrar colegas já é uma mais valia. Quanto ao Bernardo, não percebo. Devia jogar todos os minutos.

Roberto Baggio disse...

Bruno a ideia é minha, podes discordar. Para mim, não faz sentido ele estar tão afastado da linha defensiva adversária, nem tão pouco que se desgaste (como se exige no meio campo a dois de Jesus) e depois não tenha a frescura suficiente para ser deseliquibrador como pode quando a equipa tem bola.

Falando mal e depressa: perto da linha defensiva é onde ele pode ser verdadeiramente decisivo. Mesmo desenquadrado, tem tudo o que é necessário para enquadrar fácil. Técnica, inteligência, morfologia. E isso pode valer muitos, e muitos golos. Para construir bem não é preciso ser grande jogador. Para criar sim. E o Benfica tem poucos grandes jogadores (entenda inteligentes) na frente (onde se cria).

Depois é a exigência defensiva da posição. Os dois medios do SLB estão constantemente em grande desgaste físico. Chegar rápido à frente, recuperar rápido atrás. Não podem mesmo ficar, seja qual for o momento do jogo. Isso tira discernimento a quem não é Ramires, Enzo, ou Moutinho.

Jesus falou em tempos que os dois avançados podem jogar na vertical (um mais a frente) ou na horizontal, como no ano passado. É tempo de voltar a vertical, porque há alguém com muito mais competência para criar, e receber entre sectores que outros.

Roberto Baggio disse...

Como o Dortmund fazia com Kagawa, Reus, Gotze, Mkhitaryan... Segundo avançado. Ou extremo (ala).

João disse...

Baggio, e se jogar no lugar do Gaitan? É que se não foi a 9,5 é o único lugar que pode ser dele.. Vamos ver se o JJ aposta nele ou se vai emprestado.

Romário disse...

Também pode ser no lugar de Gaitan. Mas estou a contar que Jesus não abdicará dos seus alas box-to-box caso Gaitan saia.

Romário disse...

Mas ainda assim, continuo a achar que no meio é que ele devia jogar, mas o mais perto da baliza possível.

Anónimo disse...

Baggio, concordo a 100% contigo mas infelizmente o destino do B.Silva vai passar pela equipa B ou empréstimo.

Falasse este puto com sotaque do Brasil ou fosse espanhol e já era titular há muito tempo.

Cumprimentos,
L.O.