Posse de bola no Facebook

Translate

segunda-feira, junho 16, 2014

Prévia de Portugal

Espero grandes dificuldades no jogo de hoje contra os alemães, tendo em conta a superioridade individual e colectiva dos germânicos. Ainda assim, considero que há condições para competir com eles, caso estejam reunidas algumas condições.

Independentemente da estratégia utilizada, vamos precisar que todos os jogadores estejam no seu melhor nível.
Ronaldo não estará, pelo que o que se pede ao capitão é um doseamento do esforço, por forma a não comprometer o resto da competição. Ainda assim, considero a presença dele importante em campo, nem que seja para meter o adversário em sentido. É um jogador fundamental para que num momento ou outro apareçam colegas soltos, como resultado da maior atenção que o adversário lhe dá.

Precisámos que Ronaldo se sinta o mais cómodo, e com a maior liberdade e fluidez de movimentos possível. E isso só acontecerá no caso de jogar um avançado que lhe permita esses movimentos (no caso de ele actuar como extremo).
Se for Hugo Almeida, Ronaldo aparecerá muitas vezes em zonas de finalização, já dentro da área, na zona do ponta de lança, por troca posicional. Mas é esse o único movimento que H.Almeida conhece, e é apenas isso que ele vai permitir ao Ronaldo.
Se jogar Postiga, Ronaldo vai aparecer em diagonais fora da área, para aproveitar o espaço entre lateral e central, ou mesmo aparecer nas costas do central mais longe da bola, porque Postiga faz muitos movimentos de aproximação ao portador da bola, fixando a atenção dos centrais nele. Ronaldo irá, também ter, referências para o apoio frontal, e para tabelar de forma constante, permitindo-lhe aproveitar toda a potência do seu jogo. Sendo que com Postiga, Ronaldo não perderá o espaço para aparecer a finalizar na zona do ponta de lança.
Éder é talvez aquele que menos conhece essas dinâmicas, mas é, para mim, o melhor jogador para acompanhar Ronaldo. Por ter características muito semelhantes ao Postiga, e ainda uma mais valia física.

Moutinho. Parece-me que se tem poupado desde que chegou ao estágio, ou então é o futebol que se joga no Mónaco que o fez mudar os seus comportamentos. Não me lembro de ver Moutinho ser ultrapassado e não recuperar, não me lembro de Moutinho muitas vezes a frente da linha da bola, não me lembro da falta de agressividade na saída em contenção, não me lembro de Moutinho bascular tão lentamente para fechar os espaços na zona da bola, não me lembro de Moutinho não ajustar na posição do médio defensivo, dos laterais, ou dos centrais quando estes ficam batidos. Resumindo, ou Moutinho volta ao seu melhor nível, naquilo que ele tem de melhor, ou vão aparecer buracos por todo lado.

Precisamos de critério na transição ofensiva. E por acaso temos lá um homem com esse nome. Falo de William Carvalho obviamente. Com ele, ficámos com a certeza que quando recuperámos a bola, ficámos com ela. Para não falar da mais valia posicional que ele oferece mais que Veloso, importante sobretudo porque os alemães jogam muito pelo chão. E da mais valia física importante caso se consiga condicionar a construção dos alemães, obrigando-os a jogar directo.

Precisámos de um Nani no máximo da sua confiança. Sendo que isso não será possível, precisamos de o apoiar (os colegas) ao máximo, dentro de campo, nas suas acções. É mesmo importante que ele se sinta confortável no jogo, porque a chave para desequilibrar a balança, pode bem estar nele. É um jogador com atributos individuais fantásticos, mas que ao contrário do que se diz, tenta na maior parte do tempo jogar para os colegas. Não joga sempre bem, como é óbvio e com isso concordo. Mas erra, na maior parte do tempo, em prol da equipa. Defensivamente não há nada a apontar-lhe. É sempre muito responsável.

Coentrão tem crescido muito neste final de época, e ainda bem. Poderá ser o jogador da selecção a chegar em melhores condições ao mundial. Teve uma carga de jogos bastante leve pelo Real Madrid, assumindo a titularidade apenas no final de época. Pelo que a maior preocupação será com os seus comportamentos defensivos. Não sei o que se passa com os jogadores de Vítor Pereira e de Jorge Jesus, que depois de serem treinados por outros treinadores, desprendem tudo o que conheciam do jogo ao nível do posicionamento defensivo.

Rúben Amorim, como lateral direito, ou no meio campo. Em qualquer uma dessas posições acrescenta critério, qualidade defensiva, inteligência. Para mim, deveria ser um dos indiscutíveis da selecção, fosse em que posição fosse.

Precisaremos também de muita sorte, e de um bloco baixo, na maior parte do tempo, com 8 atrás da linha da bola, para que não se notem tanto os erros de B.Alves, M.Veloso, J.Pereira, e cia.

Por fim, Paulo Bento tem de decidir muito bem como quer pressionar. Se quer pressionar os centrais, tem de tirar Ronaldo do corredor. Uma vez que o responsável pela pressão no central contrário é Moutinho, a equipa fica com apenas 3 homens para toda largura do meio campo. Com Ronaldo no meio, seriam ele e avançado que jogaria ao lado dele (Éder, Postiga, H.Almeida) responsáveis por pressionar os centrais, e uma linha de 4 atrás deles.

25 comentários:

Mindfuck disse...

O meu 11 para hoje seria:

Patrício
Almeida
Bruno Alves
Neto (pepe esta em condições?)
Coentrão
Wiliam
Amorim
Moutinho
Nani
Ronaldo
Éder

Anónimo disse...

O Ronaldo já confirmou que jogará com dores o que é um grande risco para o resto da competição, para mais quando o mais provável é de qualquer maneira perder este jogo. Em condições normais acho que o pouparia, ganhando mais 6 dias de recuperação. No entanto acho que em teoria o quadro é bem mais favorável ficando em 1º. Até ás meias poderiamos chegar sem enfrentar nenhum candidato. Tendo a Alemanha 4 jogadores a regressar de lesão e 1 que ficou de fora do mundial, temos agora mais hipóteses. Assim acho que é de arriscar a sua utilização, tal como a de Pepe.
Jogaria sempre com o William e com o Éder, mas segundo a CS será com Veloso e Almeida. Estou com fezada no Nani para nosso homem do torneio. Para além de ser bom, acho que sente que tem algo a provar...e já agora, joga para o contrato. :)

Abraço,
Top1

Luís Carvalho disse...

O que eu retiro deste post é que estamos fud... Só espero que jogue o william para atenuar a dor que provavelmente vamos ter hoje.

Elias disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Diogo Limão disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
F.Redondo disse...

Baggio, leio a tua análise após o jogo e meu caro acertaste em tudo o que se viu hoje em campo ...

Vão aparecer alguns a dizer é facil falar agora depois do jogo, mas não é a primeira vez que tanto aqui neste blogue como no lateral esquerdo tu (e eu tambem nos meus comentarios) referiamos J.Pereira não era lateral para esta selecção, dito e feito 1 Golo resulta de um erro seu. M.Veloso faltam já palavras não o vi no jogo todo a acrescentar algo á equipa, entre outros estiveram hoje todos mal. Além de que hoje não foi dos jogos em que a Alemanha mais pressionava a equipa adversária e mesmo assim fomos incapazes de efectuar trocas de bola com critério e construir jogadas...

Mas o que mais me surpreende e corrigam-me por favor se tiver errado, mas vinha no carro a ouvir a radio e um comentador da TSF referia que o Paulo Bento se tinha queixado relativamente ao facto de terem surgido noticias que divulgaram o H.Almeida como titular... e daqui vem a minha estupefação: i)pensava ele em utiliza-lo como factor surpresa do que exactamente?! porque os jogadores alemães conhecem no mais a ele que ao Eder; ii) adivinham de vespura e insiste nisso como factor surpresa?! porque não mudar... Eu quero acreditar que o comentador da TSF é que não sabe do que fala e Paulo Bento não se queixou disto ...

OJ disse...

Bons pontos. Alguns comprovados. O pior deste jogo não foi o 4-0. O pior é mesmo a despedida de Coentrão do Mundial e Pepe nao jogar nos proximos 2 jogos. Estamos fora!

Cristiano nao esteve bem obviamente, mas ate achei que a fluidez de movimentos foi melhor do que esperava. Talvez esteja mais proximo dos 100 por cento nos proximos jogos.

E depois a questao das arbitragens. Nós portugueses nao gostamos muito, quando é a selecçao, de falar disso (golo da Espanha em fora de jogo em 2010). Mas a verdade é que é a sempre a mesma merda! Grandes selecçoes constantemente beneficiadas nestes eventos. Na duvida, sempre a favor delas. A Alemanha não esteve particularmente bem, mas o jogo foi tao rico em "condicionalismos" para a nossa selecçao que nem foi preciso grande exibiçao.

Roberto Baggio disse...

Eu falei antes, o depois está a esquentar no forno. XD

Enfim, jogo miserável da selecção

Luís Carvalho disse...

E não é que nos lixamos mesmo, mal vi o veloso e o almeida no onze titular comecei logo a imaginar o desastre.

Rafael Antunes disse...

Vou ver o jogo...

Mas fartei-me de fazer pontos na fantasy... ahahhaah

Gonçalo Matos disse...

Tenho de ser sincero, não esperava nada de bom de Portugal neste jogo. Quando digo algo de bom é em termos de modelo de jogo, estratégia o que seja que nos permitisse ter maior probabilidade de ganhar.

Pepe na minha equipa não jogava mais. Não tem sentido ser expulso desta forma. Veloso e Meireles hoje em dia pouco ou nada acrescentam, Hugo Almeida é incompreensível como ainda consegue ser titular com Éder e Postiga.. Ruben Amorim foi dos melhores jogadores nos jogos de preparação e não entrou, Neto já nem 3º central é e William a esta hora deve tar a pensar no que mais terá de fazer para jogar.

«A vida está muito difícil para os defesas. Se calhar, é preferível jogar só com médios e avançados, mas não foi por causa do árbitro que perdemos». Convêm dizer que a vida tá mal pra quem joga HxH. E se esses médios e pontas souberem controlar profundidade, fazer cobertura e contenção, metam-nos la dentro. Hugo Almeida e Meireles a centais.

Roberto Baggio disse...

Quem tinha Rafael?
É pah eu tou com 77 pontos.

Valeriy Lobanovskyi disse...

Esse segundo parágrafo Gonçalo! Se no Lateral diz-se do del Bosque que é o rei dos estatutos, o Bento será o presidente, vivendo nós num regime republicano.

A lesão do Almeida acabou por obrigar o Bento a meter um jogador que melhorou muito a dinâmica da equipa. Combinou bem com os colegas, o Éder, primeiro e segundo toque, boas decisões (até no plano da pilosidade facial), soltar no colega com espaço e enquadrado.

Gonçalo Matos disse...

«Vamos ter que fazer alterações, e são várias. Estamos a falar de duas lesões e de uma expulsão. Reformular tudo o que diz respeito aos nossos processos seria, na minha opinião, o maior erro que poderíamos cometer. Temos dois jogos pela frente, continuamos a depender de nós para alcançar o nosso primeiro objetivo e é por isso que lutaremos», afiançou o selecionador nacional.

PB confunde processos com jogadores, há aqui qquer coisa mto estranha.

José disse...

Se o del Bosque é o rei dos estatutos e o Paulo Bento é o presidente, o Loew deve ser o imperador. O Neuer não faz um único jogo de preparação e entra assim? O Khedira tem lugar cativo? O Lahm é que decide onde joga? O Oezil está numa trajectória descendente há 6 meses mas vai para Salvador arrastar-se à vontade? Entretanto, o Weidenfellder, o Draxler, o Schweinsteiger e o Schuerrle ficam a bronzear-se....

Estas pseudo-equipas nacionais são mesmo assim. Ao menos o Paulo Bento e o del Bosque (fora a estupidez de jogar o Diego Costa) vinham de modelos ganhadores.

NSC disse...

Em relação à liga, e quem tinha jogadores da Bélgica e da Rússia? Não são contabilizados para a 1ª ronda?

Edson Arantes do Nascimento disse...

O Neuer é o melhor guarda-redes do mundo, o Khedira jogou porque o Schweinsteiger está lesionado, o Lahm é um dos melhores jogadores do mundo (seja a lateral, extremo, defesa-central, avançado ou a fazer de árbitro) e o Ozil é uma máquina de futebol como, aliás, demonstrou ontem a cada toque, a cada passe, a cada segundo.

O Paulo Bento vem de um "modelo ganhador"? Estamos a brincar?

Gonçalo Matos disse...

Apesar de achar que a escolha do Khedira é discutível, estou com o Edson. Todas as outras sao as que trazem maior qualidade individual para aquelas posições. Nao gosto é de ver 4 centrais nas 4 posições da defesa

Roberto Baggio disse...

NSC, conta. Por isso é que ainda não há classificados. Também tenho belgas na equipa.

José disse...

Não, não estamos a brincar. O Paulo Bento não montou uma equipa para jogar futebol, como nunca foi seu objectivo em lado nenhum. Montou uma equipa para ganhar a sofrer, com uma mentalidade de todos por um e fé no Ronaldo. Como provam todos os jogos do Euro 2012 e o playoff da Suécia, é sim um "modelo ganhador".

Mantenho tudo o que disse, o Loew tem exactamente a mesma forma de escolher do del Bosque, com a diferença que vai sendo derrotado.

Roberto Baggio disse...

Kkkkkkkk

Edson Arantes do Nascimento disse...

Epá podes manter tudo o que disseste... Agora, encontrar alguma lógica nos teus argumentos é que já é um bocado mais complicado.

Roberto Baggio disse...

Edson não há paciência pós tipos da atitude lá no LE. Tu respondes bem a eles kkkk

José disse...

Se não consegues encontrar, vou tentar guiar-te. É um torneio de 4 semanas, com 7 jogos no máximo. Interessam resultados. Paulo Bento apresentou os mesmos do Loew. Se um dos modelos é ganhador e o outro não é, o teu problema é Matemática, não é estilo de jogo.

Quanto aos estatutos, é mais complicado. Para te explicar que as titularidades do Neuer, do Khedira e do Lahm (naquela posição) são tão influenciadas pelo estatuto dos jogadores como as do Casillas, Xabi Alonso e Diego Costa, tinhas de começar a ver jogos de futebol.

Rafael Antunes disse...

Baggio,

Neuer, Hummels e Muller...

MAs o Hummels foi para o estaleiro não foi?!