Posse de bola no Facebook

Translate

terça-feira, janeiro 21, 2014

Tomada de decisão, o exemplo de Ola John

Entretanto Ola John continua a fazer o que faz melhor, continua decidir a bem. Como temos vindo a defender aqui, e aqui.

Recepção a atacar logo o espaço interior. 1x1 sem cobertura e sem apoio próximo, muito bem resolvido. Depois fixa e solta.

10 comentários:

Miguel disse...

«Ola John traz à equipa qualidades que não tínhamos. É incrivelmente rápido e inteligente», afirmou Van Marwijk.
O Van Marwijk percebeu em 26 minutos aquilo Jesus não percebeu em época e meia. "Inteligente". Está tudo dito

Tomas Brolin disse...

«Ola John traz à equipa qualidades que não tínhamos. É incrivelmente rápido e inteligente

abraço da crew do lateral esquerdo!!!!

Anónimo disse...

LOOOOOL gostava que me explicassem onde é que o Ola John tem lugar no Benfica com Gaitán e Marko :)

Miguel disse...

Anónimo, podendo até concordar que Gaitán e Markovic no estilo de jogo vertiginoso de JJ dão mais aquilo que ele quer... Em que é que Ivan Cavaleiro é mais jogador que Ola John?

Roberto Baggio disse...

Enzo no corredor lateral quando Salvio se lesionou quer dizer o quê? Que ele não tinha lugar, ou que Jesus não percebeu o que Ola John pode dar ao jogo? Essas coisas matam os jogadores.

Gonçalo Matos disse...

Cheira-me que o Ola vai ser como o Enzo. Há-de voltar, dão-lhe minutos e aí vai rebentar. E nessa altura vão dizer que foi o mestre da táctica que o redescobriu.

Gonçalo Matos disse...

Cheira-me que o Ola vai ser como o Enzo. Há-de voltar, dão-lhe minutos e aí vai rebentar. E nessa altura vão dizer que foi o mestre da táctica que o redescobriu.

Ronaldinho disse...

Lool não me admirava nada Gonçalo, o homem nunca se engana

António Teixeira disse...

E o malho do mestre? xD

Gostava de ver o senhor ao vivo porque deve ser um grande espectáculo...xD

Cumps

Antonio disse...

Vamos ver é se não fica pela Alemanha. Com tanto bom treinador que lá existe custa-me a crer que passe despercebido! E o mito JJ continua, para quem quiser acreditar!