Posse de bola no Facebook

Translate

segunda-feira, outubro 07, 2013

É pelo que não percebes

Que ele é o melhor...


Falo de Ola John, obviamente!

20 comentários:

Daniel Martins disse...

Ainda ontem estava a falar do jogo e um amigo benfiquista queixou-se da exibição do Ola John. Eu só lhe disse para rever o segundo golo do Benfica, para esquecer a parte do Cardozo e ver quem realmente criou aquela jogada.

A mim assusta-me ver que o jogador mais criativo do Benfica não tem lugar a titular numa equipa em que nenhum dos extremos tem tido um bom rendimento. Só aprenderão a dar-lhe valor quando sair da Luz, infelizmente.

MC disse...

quem é esse? não sprinta, não corre à maluca, não vai à linha só para cruzar, não chuta! não te percebo... irony off

masterzen disse...

Ultimamente não tenho acompanhado o Blog como o fazia antigamente por falta de tempo.
Não sei se o título é para o Jorge Jesus se é para algum visitante do Blog.
Se o título é para Jorge Jesus não fico nada admirado e até nem acho que o Ola John esteja no top3 dos erros do Catedrático da Amadora.
Quem torna um 8 como Matic num dos melhores trincos do mundo e o devolve a posição de 8 só pode ser demente.

Abraço e não parem de escrever!

JON disse...

Por acaso ontem a ver o jogo, no lance acima, lembrei-me logo deste blog... O golo nasce do trabalho do John. Sem ele, não havia golo. Mas ninguém percebeu... O Maxi é que centrou e o Cardozo é que a meteu (bem!).

JS disse...

Por acaso, neste lance, acho algum exagero... ou melhor, como se só o Ola John fizesse isso.

Também não percebo porque Ola John está tão fora de equipa e acho que Markovic tornou-se estrela demasiado rápido. Concordo com o comentário anterior sobre o Matic, apesar de ainda ontem ter errado tanto passe fácil (ele, Lima e uns tantos... estão com a cabeça noutro sítio).

Sobre Ola John e controlo de jogo, gostava também da opinião do Baggio sobre a tentativa de o novo Benfica tentar ter mais posse de bola. Por várias razões:

- Está a fazer da melhor forma?
- A equipa parece-me que não tem confiança para o fazer... pior altura psicológica para implementar?
- Vai lá com tempo?

Eu até quero uma equipa com mais bola, não à "Guardiola" (que não é o ADN de Jesus e da equipa), mas os adeptos são disfuncionais.

Vi ontem com os típicos benfiquistas de café e, no final, quando tentavam trocar a bola sem o Estoril fazer pressão alta (e com 1-2) só ouvia: "olha, nem conseguem sair dali... não sabem o que fazer à bola". Já não é a primeira vez que parece que os jogadores do Benfica parecem ouvir à distância e fazem logo o passe longo mais disparatado.

Apetece-me dizer "bem feito" (e sou benfiquista). Querem uma equipa menos sofrida, mas depois querem só pontapé para a frente.

JS disse...

Já nem vou falar dos comentários idiotas do J. Eduardo Moniz. Ou despedem o homem ou apoiam. ponto.

Jesus está mesmo entre a espada e a parede. Este Benfica não tem tempo e isso é o maior handicap.

Disse depois do Belenenses que só se resolvia com umas 8 vitórias seguidas e a Champions a correr bem. Logo depois, levamos um baile do PSG. Vi o calendário e "vamos ao Estoril"... pensei logo, mais vale ir ao mercado de treinadores já.

Bem... resta à equipa concentrar-se e fazer uma sequência até à recepção ao Porto (ou incluindo a recepção):

Olympiacos (C)
Nacional (C)
Académica (F)
Olympiacos (F)
SC Braga (C)
Anderlecht (F)
Rio Ave (F)
Arouca (C)
PSG (C)
Olhanense (F)
Setúbal (F)
Porto (C)

E o Sporting? Cada vez mais um sério candidato, não?

hertz disse...

O talento do Ola John é inegável mas parece que falta algo. Quando a bola vai para ele o jogo congela. Há lá um lance de contra-ataque em que o Ola John recebe a bola numa ala e vai um jogador do Benfica a desmarcar-se pelo meio e em que um passe para a aquela zona o deixava isolado. Nesse lance o Ola John pára e passa a bola para trás. Não sei...parece que falta ao Ola John agressividade, atitude competitiva ou confiança. A mim dá-me sempre a sensação que ele não joga 1/3 daquilo que pode fazer. Mas claro que é algo incompreensível ele jogar tão pouco quando Salvio está lesionado, o Sulejmani tem estado com problemas físicos e os outros extremos tem rendido pouco.

Já agora, alguém daqui do blog que costume ver o Benfica poderá me dizer o que tem achado das exibições do Luisao? Vejo tanta gente a bater nele e a dizer que tem estado péssimo...eu pessoalmente até acho que tem sido dos melhorezinhos do Benfica neste início de temporada.

JS disse...

Hertz,

Sobre o Ola John, acho um bocado injusto isso... ele apenas difere da vertigem que o Benfica costuma ter... mas essa divergência pode ser para melhor. Ou nem sempre, se a equipa estiver noutra onda.

Sobre Luisão, sempre que a equipa sofre, a culpa é da defesa. Basta ver essa lógica para perceber porque se malha no Luisão.

RM disse...

Costumo ser um leitor do blog, ainda nunca tinha comentado mas hoje decidi fazê-lo para responder à pergunta do hertz:

Para mim o Luisão tem sido o melhor da defesa do Benfica neste início de época. É quase sempre ele que está no sítio certo em lances perigosos das equipas adversárias.. e se os jogadores estão a tentar "fazer a cama" ao JJ como alguns dizem, ele pelo contrário parece-me que está mesmo a tentar juntar o grupo como se viu ontem no festejo do 2º golo.

Laranja disse...

Eles diz que o Gaitan é que é bom e que o John é flop ... E acho que o Jesus concorda...

emanuel melo disse...

Boas, esta é a primeira vez que comento neste blog, apesar de ver os vossos posts, sempre servem para me instruir um pouco na matéria, nesse caso no futebol, visto que sou leigo nesse aspeto. Sinceramente, acho que o Ola John é o extremo com maior potencial do benfica, decide quase sempre bem, em prol do coletivo. Nessa mesma jogada, ve-se, em vez de ir a linha, ou de tentar, passar pelos jogadores do estoril, em sprint, prefere jogar em maxi, enquanto se fosse outro jogador, o mesmo nao teria acontecido. O que acho é que falta, algum poder de explosão, acho que lhe falta espontaniedade.. e acho que precisa de aparecer mais no jogo, para ser Top.. mas até poderei estar enganado.
Cumprimentos a todos

avc10 disse...

Laranja, e o Gaitan nao é bom? pra mim era sempre Gaitan e mais 10, sem duvida nenhuma...

O problema do Ola John é q ta a falhar nos processos mais simples, talvez em baixo de forma por nao jogar.

Roberto Baggio disse...

Antes de mais, peço desculpa pela demora nas respostas, mas o tempo tem sido muito curto.

Daniel,

"A mim assusta-me ver que o jogador mais criativo do Benfica não tem lugar a titular numa equipa em que nenhum dos extremos tem tido um bom rendimento. Só aprenderão a dar-lhe valor quando sair da Luz, infelizmente."

Eu se fosse o Ola John, estando 100% disponível e se o Jesus optasse por um "médio" (Enzo) para jogar numa posição onde eu jogo, ficaria de rastos, mentalmente.

MC,

"quem é esse? não sprinta, não corre à maluca, não vai à linha só para cruzar, não chuta! não te percebo... irony off"

É esse o meu pensamento também...

Masterzen,

"Não sei se o título é para o Jorge Jesus se é para algum visitante do Blog."

Não é para ninguém em particular. É para todos.

"Quem torna um 8 como Matic num dos melhores trincos do mundo e o devolve a posição de 8 só pode ser demente."

Vamos ver ainda, mas em parte concordo com a tua análise. Por outro lado, compreendo a opção dele, por querer mais consistência no meio campo.

"Abraço e não parem de escrever!"

Essa vai ser a parte mais difícil, ao nível da regularidade.

"Por acaso ontem a ver o jogo, no lance acima, lembrei-me logo deste blog... O golo nasce do trabalho do John. Sem ele, não havia golo. Mas ninguém percebeu... O Maxi é que centrou e o Cardozo é que a meteu (bem!)."

É natural que não o percebam. Não foi a assistência, não foi o golo, logo não foi decisivo, não esteve jogo, etc... Coisas do café, evidentemente.

Quanto ao golo, é obviamente uma execução técnica fantástica do Cardozo e um bom cruzamento. Mas a acção do Ola John, é 100000000000000 de vezes mais complexa do que a dos outros dois, e logo mais difícil, e logo mais criativa, porque o mais fácil ali, não tendo espaço, tendo 2/3 a certa altura adversários perto seria jogar para trás, variar o centro de jogo, mas não... Para o holandês o futebol é simples, tem espaço progride, sem espaço procura os colegas, sem colegas arranja espaços para os colegas (não sempre obviamente, porque isso era estúpido, mas apenas em ocasiões onde percebe que pode criar algo).

JS,

"Por acaso, neste lance, acho algum exagero... ou melhor, como se só o Ola John fizesse isso."

Só ele, conseguiu atrair 3, naquela zona do campo, faz toda a diferença para que o cruzamento tenha sucesso, e foi só isso que ele fez. Criou condições para que o cruzamento tivesse sucesso, tirando homens da zona de finalização.

"Sobre Ola John e controlo de jogo, gostava também da opinião do Baggio sobre a tentativa de o novo Benfica tentar ter mais posse de bola. Por várias razões:"

Não vi nenhum jogo no Domingo, não posso dar a opinião.

"E o Sporting? Cada vez mais um sério candidato, não?"

Se mantiver a mesma consistência até Fevereiro, sim, sem dúvida.

Roberto Baggio disse...

Hertz,

"Quando a bola vai para ele o jogo congela. Há lá um lance de contra-ataque em que o Ola John recebe a bola numa ala e vai um jogador do Benfica a desmarcar-se pelo meio e em que um passe para a aquela zona o deixava isolado. Nesse lance o Ola John pára e passa a bola para trás. Não sei...parece que falta ao Ola John agressividade, atitude competitiva ou confiança"

Não vi o lance, assim como não vi o jogo. Mas uma coisa te garanto, se ele achasse que o passe poderia ter sucesso, assim o faria. Talvez tenha perdido o timing, talvez tenha visto o movimento dos defesas a acompanhar o avançado, talvez tenha simplesmente achado que o passe era de difícil execução, não sei, estou a especular, se conseguisses mandar o lance talvez fosse mais fácil de analisar. Assim de repente, faz-me lembrar um lance do Iniesta nas confederações, contra o Uruguai, creio. Podia ter lançado, perdeu o timing, temporizou e a equipa entrou em organização, não perdendo a bola.

Joga sempre muito menos do que o que poderia, por não estar num modelo adequado as suas características.

Quanto a confiança, essa só se adquire jogando regularmente. E Jesus optou por colocar um "médio" a jogar na posição dele, estando ele disponível. Isso deve dizer muito da confiança que ele tem agora.

"Já agora, alguém daqui do blog que costume ver o Benfica poderá me dizer o que tem achado das exibições do Luisao?"

Com bola, não parece que esteja a ser o melhor. Defensivamente, já o sabemos, é o que melhor defende e compreende os processos defensivos da equipa. É o melhor defesa do Benfica a defender, tem sido, e vai continuar a ser.

Laranja,

"Eles diz que o Gaitan é que é bom e que o John é flop ... E acho que o Jesus concorda..."

Não desgosto, totalmente, do Gaitan. Acho que no meio dos extremos todos que tem o SLB, a seguir ao Ola, é o melhor e o que tem ideias diferentes, é mais criativo e tem uma capacidade técnica invejável, não obstante de decidir muito pior que o holandês.

Emanuel Melo,

"Sinceramente, acho que o Ola John é o extremo com maior potencial do benfica, decide quase sempre bem, em prol do coletivo."

Concordámos a 100%

"O que acho é que falta, algum poder de explosão, acho que lhe falta espontaniedade.. e acho que precisa de aparecer mais no jogo, para ser Top.. mas até poderei estar enganado."

Acho que a única coisa que lhe falta é jogar regularmente, domingo, após, domingo.

avc10,

"O problema do Ola John é q ta a falhar nos processos mais simples, talvez em baixo de forma por nao jogar."

Não sei, não vi o jogo, mas como já disse acima, eu estaria de rastos no lugar dele.

Gonçalo Teixeira disse...

Um offtopic:

"O distanciamento talvez venha da minha época de vice-presidente, quando ele [Cruyff] aconselhou a contratação do triplo A [Aimar, Albelda e Ayala] e nós comprámos o Ronaldinho, o Deco, o Edmílson e o Márquez. Aqui começou o despique", adiantou Rosell.

Que têm a dizer disto? Devia ser post no blog!

António Teixeira disse...

Caro Gonçalo,

Nada do que o Rossel diga me entra nos ouvidos. Que a contratação do Ronaldinho só foi possível pelo bolso dele, é verdade. Que o Cruyff e o Jan têm excelentes relações, também. Que Deco, Ronaldinho etc são melhores que os primeiros, também não dúvido. Que o Cruyff é um bom homem com uma grande teimosia, também. Que o Rossel é um oportunista sanguessuga, igualmente.

Gonçalo Matos disse...

Olá Gonçalo!

Parece-me que nesse caso, mesmo considerando a filosofia de jogo do Cruyff, o Barça ficou a ganhar. O Resto, o António resume bem.

Anónimo disse...

o filme nao da! :s onde posso ver?

Yilmaz disse...

http://videos.sapo.pt/z1lqcnFZT5wUsj6jjhtA

Anónimo disse...

"Quando a bola vai para ele o jogo congela. Há lá um lance de contra-ataque em que o Ola John recebe a bola numa ala e vai um jogador do Benfica a desmarcar-se pelo meio e em que um passe para a aquela zona o deixava isolado. Nesse lance o Ola John pára e passa a bola para trás. Não sei...parece que falta ao Ola John agressividade, atitude competitiva ou confiança"


Se não me falha a memória, foi no tempo de compensações, em que o jogo estava "partido" com o Estoril a arriscar tudo no empate. Ola John, sabendo que faltava pouco para acabar o jogo, poderia ter feito o passe, mas nunca saberia o que iria acontecer dali. Poderia efectuar o passe com sucesso, mas uma perda de bola do Cardozo (penso que era ele que estava do outro lado) poderia levar a criar algo perigoso para o Estoril, com menos de um minuto para jogar.

Ola John "congelou" e muito bem nessa parte, esperando pela subida dos colegas equipas, perdendo tempo, e devolvendo para trás para manter a bola até ao apito final.