Posse de bola no Facebook

Translate

terça-feira, agosto 06, 2013

Breve: Convocatória vs Holanda

Lista de convocados:

Guarda-redes - Beto (Sevilha), Eduardo (SC Braga) e Rui Patrício (Sporting);

Defesas - João Pereira (Valência), Fábio Coentrão (Real Madrid), Bruno Alves (Fenerbahçe), Ricardo Costa (Valência), Sílvio (Benfica), Pepe (Real Madrid) e Neto (Zenit);

Médios - Raul Meireles (Fenerbahçe), João Moutinho (Mónaco), Miguel Veloso (D. Kiev), Custódio (SC Braga), Rúben Amorim (Benfica) e Rúben Micael (SC Braga);

Avançados - Nani (Manchester United), Cristiano Ronaldo (Real Madrid), Varela (FC Porto), Vieirinha (Wolfsburgo), Hélder Postiga (Saragoça), Danny (Zenit) e Nélson Oliveira (Rennes)



Apesar de não concordar totalmente com a opinião de que acima do momento de forma dos jogadores, um seleccionador nacional deve convocar os jogadores com maior qualidade individual, no inicio de uma nova época desportiva acho que este argumento é válido. Pondo isto, não se consegue compreender o porquê, mais uma vez, da não convocação do Manuel Fernandes em detrimento de qualquer um dos médios, à excepção de João Moutinho. 

62 comentários:

NuNeS disse...

E se tinha lugar nesta selecção...Há coisas que de facto não se compreendem..

Roberto Baggio disse...

Posto isto, o meu 11 em 1*4*3*3

Patrício
Amorim
Pepe
Neto
Coentrão

M. Fernandes

Moutinho
André Martins

Ronaldo
Nani
Postiga (ou Vierinha, com Ronaldo no meio)

Gonçalo Matos disse...

Me gustas Baggio, me gustas. E tarda nada espero que o Josué se intrometa na luta do meio campo.

Alguém faz ideia porque os rapazes (Fernandes e Josue) não são convocados? E porque o são o Custódio e principalmente o Ruben "Lento" Micael?

Roberto Baggio disse...

Dos que lá estão, Custódio tem de jogar.
Quanto ao Meireles e Micael, não sei... Não entendo...

Dos q lá estão jogava

Patrício

Amorim
Pepe
Neto
Coentrão

Custódio
Moutinho
Nani

Ronaldo
Vieirinha
Postiga

Gonçalo Matos disse...

Porque não o Amorim ao lado do Moutinho e o J. Pereira ou Silvio na lateral?

Roberto Baggio disse...

Porque eles não fazem ideia do que é defender zona.
Se calhar estou a exagerar, mas cometem muitos erros de quem ainda interpreta HxH

Gonçalo Matos disse...

Certo! Então e o Miguel Veloso?

Roberto Baggio disse...

Estás a ver o João Moutinho? A agressividade dele, a atacar os espaços? Veloso é o extremo oposto... Demora tanto tempo... Se metesse na cabeça que os os espaços são para ocupar bem e depressa, era jogador de nível mundial. Assim, é só jogador do Kiev...
Então prefiro colocar o Nani que me dá criatividade (que falta muita) e intensidade. Para além de se esforçar, de certeza, por ocupar bem os espaços.

Roberto Baggio disse...

E atenção que, por exemplo, nunca diria de custódio que tem potencial para ser jogador de nível mundial!

Gonçalo Matos disse...

Sim, concordo com a tua análise. A razão porque tanta gente chama de "lento" ao Veloso não tem a ver com a sua velocidade propriamente dita mas com o que referiste. Sempre foi o seu defeito, desde os tempos do Sporting e por isso também tem de jogar como trinco, porque numa linha a frente ainda seria mais obvio.

Custódio traz-te essa agressividade e intensidade mas depois é limitado a nível técnico e é pouco criativo.

Meireles perdeu a intensidade que o caracterizava e que trazia consistencia ao meio campo e já não chega tantas vezes a frente como dantes

Micael é de todos o que acho mais fraco. É lento a pensar, a mexer e a executar.



Signori disse...

Sim, criatividade falta aos magotes. O que achas das declarações de Paulo Bento quando referiu há uns tempos que os portuguesesentravam a dormir, e que precisavam de levar 1 golo para acordar, e que é algo cultural? é que isso não acontecia com o Porto de Mourinho, em que os não portugueses eram só 3 ou 4, Deco, Derlei,Carlos Alberto e Alenitchev, e no 11 inicial normalmente só 2

Gonçalo Matos disse...

Para mim so quer dizer que não estão convenientemente preparados mentalmente quando entram em campo e isso é culpa do seu treinador que não consegue motivar os seus atletas para jogos de menor grau de dificuldade.

Em fases finais a nossa selecção da-se sempre melhor que nas qualificações e não será por menor qualidade dos adversários

Signori disse...

Exactamente, e ao colocar a responsabilidade nos jogadores parece-me um comportamento resignado, tipo é assim, não há nada a fazer. Só faltava dizer: mesmo assim, eu consigo pô-los no mundial porque sou treinador para dar 1 de avanço a qualquer equipa e mesmo assim estar no Brasil. :)

Gonçalo Matos disse...

Exacto! Faz parte das competências de um treinador saber motivar os seus atletas e acho que num seleccionador isso deveria ser das características fundamentais. Era ai que Scolari fazia as diferenças e parece continuar a fazer. Uma liderança forte e justa não permite que haja destas desconcentrações, principalmente em atletas de topo!

Signori disse...

Sim, daí por vezes treinadores medíocres tacticamente fazerem a diferença na selecção, que com pouco tempo para treinar, a componente motivacional e os níveis de concentração fazem a diferença.
Tava aqui a pensar, deve ser desesperante para um treinador (alguns lol) de selecção ter um mau resultado e esperar 3 meses por um novo jogo. Que horror.Como compreendo Mourinho, isto das selecções não é mm para ele; a FIFA devia ter um prémio para treinador de selecção e treinador de clube, não tem nada a ver, enfim

Signori disse...

off topic: alguém conhece esse tal Slimane, ponta de lança argelino? Será mais um Ribas ou um pinheirinho de Natal?

Gonçalo Matos disse...

Acho que o segredo pra se ter uma selecção forte nas qualificações passa por aproveitares um nucleo de jogadores de um/dois clubes e tentares não te afastar muito dos principios que aí praticam. Depois nas provas de varias semanas ja ha outro periodo de preparaçao, com mais tempo pra trabalhar a equipa.

Sim, também acho que dveria haver um premio pra treinador e outro pra seleccionador. Não são comparáveis os resultados que ambos podem atingir num ano

Signori disse...

sim, pq aí tens um avanço táctico ou de princípios q se podem aproveitar. mas nem spr é possível, principalmente em países exportadores. Quando não é possível, tens de fazer um trabalho difícil, principalmente em qualificações onde em 10 jogos, mais de metade é com selecções que não dão pica, e estou a falar no caso portuguÊs. Depois, e talvez tb tenha influência, por vezes há lugares cativos, e isso pode mexer com os estados motivacionais, principalmente na selecção portuguesa onde há poucas opções. Para muitos que andam lá, é um dado adquirido, e não uma conquista. E Portugal não é assim uma equipa de primeiríssima linha que se dÊ ao luxo de baixar na componente motivacional e diminuir um pouco a competitividade, ou optar por mudar 3 ou 4 jogadores. Complicado.

Gonçalo Matos disse...

Sim, é verdade. Mas acho que é muito uma questão de mentalidade. A Holanda por exemplo, domina sempre na fase de grupos e piora nas fases finais. E também são um pais exportador sem grande base. Coincidencia ou não, as que para mim sao as duas melhores selecções do mundo têm essa base: a Espanha no Barça/Real e a Alemanha no Bayern/Dortmund.

Quanto as alterações, é arriscado faze-las, mas existem adversarios contra os quais as segundas linhas podem ter sucesso. Acredito que faria bem ao Meireles e ao Veloso ficarem de fora de quando em vez. O Nani tem sido preterido nos ultimos tempos, veremos que efeito tem. Quanto ao Ronaldo, é intocável.. Independentemente da condição.

A próxima geração contudo, não parece ter uma grande diferença entre os titulares e suplentes. Além do mais, são que não sendo vedetas, têm um perfil interessante, principalmente os médios.

Signori disse...

Talvez, houve jogadores que tiveram oportunidd e vimos que têm lugar no plantel como vieirinha, e Neto. É que eles tb andam tão longe que há poucas oportunidades de sabermos qual a qualidade de muitos portugueses.

Qto À próxima geração, os sub20 e sub19 deram boas indicações do meio campo para a frente, é um crime lesa pátria não aproveitar alguns desses míudos, com a crise das selecções jovens dos últimos 10 anos. Espero que as equipas B funcionem como se espera

Signori disse...

Mas honestamente fiquei muito agradado com os jogadores de 19 e 20 anos que mostrámos. E diz quem sabe que há outros entre os 16 e 18 que tb prometem. Terem apostado em criativos nos sub19 já foi mt bom sinal, e podíamos perfeitamente ter ganho o europeu que não era escândalo nenhum...mas fica o que interessa, a esperança no futuro

Gonçalo Matos disse...

E há alguns jogadores com idade intermédia que podem chegar à selecção tais como o Josué, o André Martins, o André Santos, o Adrien ou o Pizzi. O Tiago Rodrigues que apareceu no Guimarães o ano passado também mostrou coisas interessantes e há ainda o Castro. O Éder há-de voltar igualmente.

O problema é que são todos jogadores do meio campo para a frente.

Signori disse...

Porra tou-me a mijar a rir com o Valter, impressionante. Acerca do 4-3-2:

Sempre que possível, a quipa priveligia a posse de bola. A construçãode jogo deve ser smpre rápida, compartição de varios jogadores. onde a bola circula entre a amplitude e a profundidade do jogo.
Durante a construção de jogo, participam oito jogadores. Participam todos, à excepção dos defesas centrais e do guarda- oredes. O trabalho dos avançados é fundamental, pois a maioria do jogo ofensivo depende deles. Quando a defesa adversária está pocicionada corretamente, os dos avançados desce para trazer consigo um defesa e o outro aproveita o espaço deixado subindo. Se a defesa estiver mal posicionada, ambos os avançados aproveitam o espaço nas costas da defesa. Os avançados podem ainda dirigir-se para os flancos, abrindo espaço para a entrada dum médio. Este último movimento é muito bom a desiquilibrar defesas com apenas três homens.

Signori disse...

4312 alias

Esta Juventus tá com uma pré época de shit. já tá a lever deste inter miserável

Signori disse...

deixa cá ver, abaixo dos 25...Neto, Cancelo se fizer um curso intensivo sobre o que é futebol, Coentrão, e depois entre Ilori, nuno Reis, Tobias Figueiredo...pode ser que saia um de jeito

Gonçalo Matos disse...

O Válter é um artista! É engraçado ver o que ele escreve.. Só gostava de saber onde aprende daquelas coisas.

Quanto à Juve vi apenas parte do jogo contra os Galaxy e não fiquei muito impressionado.. Estavam (juve) a ser dominados, nem em transições criavam perigo.

Signori disse...

DICA: Se se sentir em baixo, levante a cabeça e mantenha-a direita, mesmo que por breves momentos. Irá notar como melhora o seu animo e o seu bem estar. Se realmente estiver em baixo, irá precisar de mais algum tempo, mas não baixe a cabeça até sentir que está mais animado e confiante

Signori disse...

tá a dar agora o jogo com o inter para ver quem fica em ultimo do torneio

Cláudio disse...

Patricio

Coentrao
Pepe
Ilori
Amorim

M.Fernandes
Moutinho
A.Martins

D.Rosado
Ronaldo
Postiga

Roberto Baggio disse...

Gonçalo, a Juventus é sempre dominada. Viste os jogos contra o Celtic na champions?
Já naquela altura pensei que eram a equipa mais fraca que se ia qualificar para os quartos.

Signori, ele é bom rapaz e quer aprender. Só acho é estranho alguém que reconhece limitações, e que precisa de aprender futebol, ensinar futebol. Mas pronto. Isso são outras questões.

Roberto Baggio disse...

Não conheço o Rosado no pormenor, mas a ausência do Nani merece um debate, ou não Cláudio?

Signori disse...

Amorim já tem 28. o Diogo Rosado, ainda há esperança?

Gonçalo Matos disse...

Fiquei igualmente curioso com o Rosado!

Baggio, não consegui ver esses jogos. Mas ser dominado pelo Celtic já diz qquer coisa.

Cláudio disse...

o Rosado para mim transborda criatividade. É um dos meus jogadores favoritos que passa ao lado de uma enorme carreira devido à forma como por cá se tratam os nossos jogadores. Rosa vai pelo mesmo caminho.

Nani é um jogador virtuoso que desequilibra e é certo que tem muita qualidade,mas muitas das suas acções sao individuais e pouco colectivas. Não vejo nele criatividade, apenas um extremo forte no 1x1 e com muita habilidade, mas do jogo conhece pouco.

Signori disse...

Eu já reparei que há gente supostamente ligada ao futebol por esse país fora que elogia bastante aquilo! ele ensina futebol ao vivo e a cores, ou pelo site?Penso que só mostra que há uma ignorância generalizada sobre o que é este desporto, e de quem anda à frente de clubes e outros responsáveis. E toda a gente tem uma opinião, como na política, e acredita que tem razão no que diz porque sim.A esmagadora maioria não faz a mínima do que é o trabalho de um treinador, pensa que é peladinhas e pedir atitude e garra. Tive um treinador que era assim e dizia coisas do género aos jogadores: pensa que estás a tocaf viola dentro de campo, ou pensa que o defesa é um leão que vai atrás de ti para correres mais, ou ao GR, tens de voar como um pássaro, saltar como um gato e sair-te como uma aranha

Cláudio disse...

esqueci me de referir uma coisa sobre Rosado. Para além de ser criativo, de trabalhar bem para receber e entregar a bola sempre jogável. Tem algo que já pouco se ve nos jogadores em portugal: muita classe. a forma como trata a bola e como a trata dá gosto ver. abranda quando deve, acelera quando tem de ser.

Cláudio disse...

http://www.youtube.com/watch?v=wSRRtMzVs5U

Signori disse...

2:43, nice

Signori disse...

é daquelas coisas, ele prometeu mto no Sporting, entretanto teve no Penafiel, II liga, e depois estava a fazer uma época interessante no Feirense e depois foi para o Blackburn, má opção. No Benfica B estava a jogar o ano passado; tem 23 anos e tem de explodir em 1/2 anos, senão não passará de clubes medianos, ou vai ganhar dinhiro para o estrangeiro em clubes tb medianos. Precisa de condições certas, será no Benfica? hmmmm :/

Gonçalo Matos disse...

AHHH! Lembro-me dele no Feirense e de pensar que estava ali um jogador que merecia mais. Tinha imenso toque de bola na altura e este video só veio reforçar essa ideia que tinha.
Li que vai voltar para o Blackburn, mas lá duvido muito que tenha hipoteses de chegar à selecção.

Cláudio disse...

gostava de o ver numa equipa que priveligie a posse. Ele encaixaria bem numa equipa de ataque posicional. Gostava de o ver no Porto.

Signori disse...

Pois...isto no futebol as opções que fazes ou que te são dadas no início de carreira profissional são determinantes, a não ser que sejas um génio. Gostava, sem dúvida, de ver este miúdo a mostrar este tipo de futebol num grande. Deixa ver, do Sporting com a idade dele +- 1 ano há o ANdré Martins, Wilson Eduardo, nuno reis, golas. Porque é que ele não teve oportunidade, sabes?

Cláudio disse...

Ha um desprezo enorme pelo jogador português. Existem muitos mesmo com enorme potencial que são postos de lado muito cedo para darem lugar a outros que vêm de fora. é como se fosse regra que o que vem de fora é melhor. O sporting so agora está a procurar aproveitar os miúdos e só o faz devido as condições em que se encontra.

Gonçalo Matos disse...

Concordo Cláudio. O que mais me confusão faz é não haver um clube da primeira divisão que recrute estes jogadores dos 3 grandes que são dispensados. Jogadores com qualidade, boa formação, com custos reduzidos de aquisição e com margem de progressão e de retorno financeiro têm de sair pra Roménia ou Chipre sendo que depois acabam a jogar numa Champions ou numa Liga Europa sem envergonhar ninguém.

Signori disse...

Preguiça, desconhecimento. é mais fácil perguntar ao clube grande o que pode emprestar, do que se dar ao trabalho de ver o que anda disponível. os teóricos da conspiração podem tb dizer que por vir de borla não dá comissões, etc.
Agora com as equipas B, a mama vai acabar nesse sentido, mas acham que vão investir na formação e prospecção? LOL, vão é arranjar uns empresários chicos espertos que fazem o trabalho de montar a equipa, naqueles famosos projectos de equipas portuguesas, quase sempre a um ano e depois desmantela-se a equipa novamente para construir outra

Gonçalo Matos disse...

Pois, é surreal. As vezes penso que se fosse dirigente desportivo em Portugal me sentiria como um ET. Provavelmente nem sequer me deixariam fazer o que quereria tais não devem ser as teias a unir clubes, empresários, etc. Cheira-me que construir um plantel de um Gil Vicente/Arouca/Moreirense é muito mais fácil do que se faz transparecer. Basta procurar nos nacionais de juniores ou nacionais de seniores por portugueses. Bolas, parece que somos um pais de toscos e que ninguem sabe jogar a bola, quando devemos ser dos paises com o jogador médio com mais técnica individual.
A classe de dirigentes desportivos deste pais até mete dó.

Signori disse...

ah, não te deixavam mesmo.Iam logo buscar justificações como ah é franzino, não tem músculo, é muito novo, quem é o empresário dele?, é bom mas não é para jogar já... e outras do género.
Depois não há paciência para dar atenção aos jovens que sobem, é giro e tal, dá uns toques, mas não vou arriscar, não é para este ano...Tive um colega que quando passou para os seniores, do Nacional, na 2ª ou 3ª época de senior ficou decidido que ficaria meses sem jogar só para ganhar músculo no ginásio lol,qdo o melhor dele era a agilidade. Entretanto teve lesões e desapareceu da I liga

Signori disse...

mas isso é outra questão que já foi aqui discutida

Roberto Baggio disse...

Quem viu William Carvalho e quem o vê!
Ginásio, o que fazes a estes miúdos desde juvenis.
Agora, é simplesmente um jogador demasiado curto para jogar no Sporting. Não é jogador de equipa grande, pelas limitações ao nível da agilidade e sensibilidade com bola que isso lhe trouxe. Não se percebe que não é só a parte muscular que se altera com esse tipo de abordagem. Todo corpo reage, e os timings e interacções (sensoriais) de uma vida ficam baralhados. Enfim... Quem só percebe de preparação física, a mim parece nem disso perceber

Signori disse...

Pois, a informação sensorial acaba por ficar baralhada aquando da tradução ao nível cerebral, e há fracções temporais que se perdem na reacção ao estímulo. e vêm lesões, etc

Vitó disse...

De facto é uma tristeza jogadores como o Diogo Rosado não serem aproveitados... Esta seleção de sub-21 com ele, Josué, André Martins, Rui Fonte, etc, dava gosto ver jogar, pena os resultados não terem sido os melhores. E mesmo o André Martins e o Josué tiveram sorte de ter treinadores que apostaram neles, senão seguiriam o mesmo caminho...

E como estes devem existir centenas que nem chegamos a conhecer e que são ostracizados. Como o Miguel Nunes disse, vamos ver como são tratados o Tiago Silva, Chaby, Bernardo Silva, etc.

Signori disse...

o josé mota encostou o martins no belém. Vá lá q alguém no sporting não andava a dormir

Ronaldinho disse...

O José Mota é treinador?

Gonçalo Matos disse...

Ronny, dizem que sim. Pelo menos quando usava boné tinha um aspecto mais engraçado. A culpa tb não é do homem, os jogadores dele é que não têm crença e nao lutam como deveria ser.

Luis Santos disse...

Baggio, Manuel Fernandes é dos médios mais criativos. Não achas que devia estar mais próximo do ataque?
No meu 11 trocava o Manuel pelo Moutinho (sei que ele não gosta de jogar a trinco, mas...) e talvez o André Almeida pelo Amorim. Não gosto muito do Amorim a lateral...

Gonçalo Matos disse...

Ola Luis,

Vou-me meter na conversa! Eu nunca tiraria o Moutinho dali porque deve ser o jogador que mais rapidamente consegue reagir a perda da bola e pressionar eficazmente. Podia por por exemplo o Martins no vértice do triângulo mas ai a questão ia ser a mesma.

Gonçalo Teixeira disse...

O Manuel Fernandes não é agenciado pelo Jorge Mendes, infelizmente.

Vitó disse...

11 com estes convocados (4-3-3):

Patrício
J. Pereira, Neto, Pepe, F. Coentrão
Custódio, Moutinho e Amorim
Ronaldo, Nani e Postiga

(gritante falta de criatividade no meio campo...)

11 com os meus convocados (4-4-2 losango):

Patrício
Amorim, Neto, Zé Castro*, Coentrão
Custódio, Moutinho, André Martins e Josué/Rosado
Ronaldo e Postiga/Nani

*Não suporto pepes e brunos alves, sorry

Roberto Baggio disse...

Luís,
Acho que ele garante isso na primeira fase. Para além do passe longo fácil de esquerda ou direita.

Luis Santos disse...

Gonçalo Teixeira, por acaso, tanto o zerozero como o transfermarkt dizem que o empresário dele é o JM (Gestifute).

Gonçalo Matos, à vontade. Não é conversa privada. Acho que Nani, Postiga, Martins e Fernandes reagem bem (leia-se rápido) que chegue à perda de bola.

Baggio, mas entre Moutinho e Fernandes a fazer o último passe prefiro o Fernandes. E Moutinho a trinco devia ser uma maravilha. Tipo Busquets. Posicionamento, leitura de jogo e quase 100% de eficácia no passe.

Gonçalo Matos disse...

Luis, então porque não o Martins a trinco? Assim tinhas MF e JM a fazerem a pressão e com as dinamicas em processo ofensivo podias por o JM a vir buscar bola ao lado do Martins. Que achas? Pessoalmente preferiria ter o JM nessa primeira linha do meio campo, pra recuperar a bola o quanto antes.

Luis Santos disse...

Gonçalo, acho que não tem a agressividade necessária para trinco. Mas percebo onde queres chegar. Se quiseres ganhar a bola mais à frente, precisas da agressividade nos jogadores mais adiantados. Apesar de tudo, prefiro garantir essa agressividade atrás. Dá-me mais segurança em organização.

Mas mais uma vez, falo como treinador de bancada e nada mais.

Ainda em relação ao AM, acho que ele garantia alguma agressividade na transição (pelo menos mais do que em organização).